Centeio e o seus benefícios para uma vida mais saudável

Centeio e o seus benefícios para uma vida mais saudável

Caso você seja um apreciador de uísque, cerveja e vodka, agradeça aos vikings, pois foram eles os responsáveis por disseminar o cereal chamado centeio -- a base da produção dessas bebidas -- pelas terras que invadiam. Mas, como você sabe, consumir muito desses preparados alcoólicos é prejudicial à saúde, além de eles serem inimigos declarados da balança. Aí você se pergunta: existe alguma maneira de consumir o centeio sem me preocupar com quilinhos a mais e ainda alinhá-lo a uma dieta saudável. Pois a resposta é: sim!

Benefícios do centeio

O centeio é um cereal resistente a baixas temperaturas, tem uma textura mais densa do que a de outros cereais, e um sabor forte e marcante. Se você é fã do pãozinho quentinho
toda manhã, saiba que a farinha de centeio é bastante utilizada na panificação.

O centeio tem um valor nutricional valioso, que pode trazer diversos pontos positivos para o organismo. É rico em minerais como manganês, cobre, magnésio e fósforo; fonte de vitaminas do complexo B; e abundante em fibras.

Entre os principais benefícios para a saúde, estão:

  • Melhora da saúde digestiva

  • Fortalecimento da imunidade

  • Função antioxidante

  • Controle dos níveis de açúcar e gordura no sangue


Centeio contém glúten?

Sim. Centeio, cevada e trigo, aliás, são três alimentos que contém o glúten, molécula proibida para quem sofre com doença celíaca. Em indivíduos que não tem esse problema gastrointestinal, o centeio está liberado: ele não faz mal e não engorda — muito pelo contrário.

A lógica é a seguinte: nas pessoas celíacas, o consumo do glúten faz com que as células produzam substâncias pró-inflamatórias que favorecem o aparecimento de doenças crônicas, como a obesidade. Em quem não tem a doença celíaca, tirar o glúten pode até fazer o peso diminuir, uma vez que as principais fontes de carboidrato sairão da dieta – como pão, doces e bolos. Mas é bom lembrar: o mérito não é do glúten, mas do corte de calorias.

O glúten, em quem não tem intolerância à proteína, pode até ajudar a perder uns quilinhos. Uma análise realizada pelo site de divulgação científica Healthy But Smart concluiu que o consumo do centeio promove maior saciedade, o que evita exageros alimentares ao longo do dia. E isso quer dizer que centeio ajuda a emagrecer? Sim! A chave aqui está em substituir versões refinadas de grãos e farinhas pelos tipos integrais. Além de incluir o cereal na rotina de forma saudável, como em frutas, e manter a prática regular de atividade física.

Centeio no café da manhã

Quais alimentos que contêm centeio? A lista é variada e inclui pães, bolos e iogurtes. Você pode (e deve) incluí-los na primeira refeição do dia: quando o café da manhã é rico
em fontes de fibras, a tendência é que a fome e o apetite fiquem sob controle. O pão com centeio fica uma delícia com o requeijão light, queijos brancos ou uma geleia com baixo teor de açúcares.

FONTES:


Embrapa http://www.cnpt.embrapa.br/biblio/do/p_do142_2.htm

USP https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/2208118/mod_resource/content/1/Cereais_2016.pdf

https://healthybutsmart.com/rye-flour/

https://www.sciencedaily.com/releases/2010/02/100212210212.htm

https://www.cosmopolitan.com/uk/body/diet-nutrition/a25359/health-benefits-of-rye-bread_/

http://www.whfoods.com/genpage.php?tname=foodspice&dbid=65

https://wholegrainscouncil.org/whole-grains-101/whole-grains-101-orphan-pages-found/health-benefits-rye

  • URL foi copiada para a área de transferência

2020 Danone Ltda. Todos os direitos reservados.